me ame, tender

Era uma vez um quarto de hospital que tocava um daqueles CD’s que fazem música de adulto na versão bebê. E tava tocando Love me tender instrumental para bebês.

Daí que o Frederico começou a cantar a música em português, com tradução livre. E nessa tradução ele era apaixonado por um tender. Sim, aquele bichinho que a gente come. No meio da música, o tender foi personificado por Brigitte, nossa galinha de borracha.

Foi uma cena linda e doce. E hoje eu não consigo mais ouvir essa música sem lembrar dessa cena.

Desenho de Fernando Weno e post inspirado por minha sósia muito fofa @mariagranola

4 Comments

  1. Patinha

    que docura. coitada da brigite, de galinha para tender.

  2. MaWazinha, você é (de verdade) a luz a cada manhã.
    Te amo.

    Achei INCRÍVEL que o Weno fez o desenho em segundos. Talento derrama pelos dedos.

    Não sou mais sua sósia? Quero ser sósia sua para sempre, pô. E o twitter agora é @mariagranola, mas achei a coisa mais fofa que você colocou @flaviastefani assim, como se soubesse de cor.

    <3

  3. Marcia

    Que coisa mais fofa!
    Mas pobre da Brigite que virou menino.

  4. MaWá

    Flá, você continua sendo minha sósia! É que eu uso esse risquinho como se fosse meu pensamento 😉 E sim, eu mesma digitei o seu twitter e não sabia do novo nome. Já updatei.

    Viu, gente: a @flaviastefani é a @mariagranola!! Anotem em seus moleskines ou, quem não tiver, pode anotar na mão mesmo.

Leave a Reply